Um pedaço de carne seca e uma porção de farinha. Esse foi o motivo da disputa que acabou em morte no povoado de Serra Branca, na zona rural de Quijingue, na Região Sisaleira da Bahia. Segundo a polícia, Gilberto Reis Godinho, 54 anos, matou o próprio irmão, Gilberto Reis Godinho, 54 anos, e José Reis Godinho, 52 anos, após discutirem pela porção de alimento nessa terça-feira, dia 7.

Eles bebiam juntos no momento em que houve a discussão e Gilberto esfaqueou José em diversas partes do corpo. A vítima não resistiu aos ferimentos de morreu no local.

Na cena do crime, policiais encontraram um facão, uma arma e um instrumento pontiagudo, geralmente usado para perfurar couro, chamado de “sovela”. O suspeito, após ser preso, contou à polícia que ele e o irmão tinham uma desavença antiga desde quando foi esfaqueado por José, há cerca de 10 anos.

Gilberto Reis Godinho matou o próprio irmão a facadas

Gilberto foi encaminhado para a delegacia da cidade e o corpo de José levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Euclides da Cunha.