Redação G8 News
jornalismo@g8news.com.br

 

A demora da Justiça para decidir a regularidade de uma licitação do Ministério da Saúde poderá resultar no descarte de aproximadamente 1 milhão de frascos do remédio alfapoetina, utilizado por pacientes renais crônicos. Cada frasco custa R$ 12. O descarte pode acontecer a partir de julho.

A contratação do laboratório que venceu a licitação, Chron Epigen, foi suspensa depois que a Fiocruz questionou não ter sido convidada para participar da disputa. O caso então foi parar na Justiça no final do ano passado. Com a lentidão da Justiça para resolver a questão, os remédios podem perder a validade. Cada remédio custa R$ 12.