A senadora Lídice da Mata (PSB) descartou a possibilidade de disputar uma reeleição fora da chapa liderada pelo governador da Bahia, Rui Costa (PT), de acordo com a Coluna Satélite, do jornal Correio*. Lideranças do PSB confirmaram a pressão sobre a senadora em partir para uma candidatura avulsa, mas garantiram que ela abdicará da corrida em troca do aumento das bancadas da sigla na Assembleia e na Câmara dos Deputados, através do chapão formado por partidos da base governista. O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, classificou a possível exclusão como “absurda” e “injustiça inigualável”.