Os demais setores da oposição baiana também já têm as datas de suas convenções definidas. O MDB, que lançou o ex-ministro João Santana ao governo e o ex-deputado Jorge Viana ao Senado, marcou para o dia 1º/08, na sede do partido em Salvador (Costa Azul). A vice e a segunda vaga senatorial ainda estão em aberto.

Entre os nanicos, o Psol deve oficializar a candidatura do geólogo Marcos Mendes a governador em convenção marcada para o dia 29/07. A vice será a líder do Movimento Sem-Teto, Dona Mira. Para o senado, os socialistas utópicos vão lançar o sociólogo Fábio Nogueira.

Célia Sacramento, ex-vice-prefeita de Salvador, terá sua candidatura ao governo referendada na convenção da Rede no dia 28/07. O seu vice será o empresário da região de Vitória da Conquista José Itamário. As vagas ao Senado ainda não foram preenchidas.

Já o o apagado PRTB de Da Luz, que abriga o ex-prefeito João Henrique Carneiro, pretende realizar a convenção entre os dias 31/7 e 04/08. As únicas definições até o momento são os nomes de JH para o governo e Celsinho Cotrim para o Senado.

O PSDC, do policial civil Marcus Maurício, está preso às indefinições internas e não divulgou ainda a data da convenção partidária.