Antes tarde do que nunca. Depois da repercussão negativa na opinião pública, o prefeito de Salvador ACM Neto informou que o comportamento adotado por agentes da Guarda Civil Municipal contra os professores municipais será investigado.

Em nota, ACM Neto disse que “não se justifica que professores impeçam o acesso a prédios públicos nem tampouco reações exageradas por parte de guardas municipais”. “Se ficar constatado qualquer excesso, deverão ser tomadas as medidas cabíveis”, prometeu.