Por 13 votos a 12, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu na noite desta quinta-feira (21), que funcionários da Petrobras têm direito ao pagamento de adicionais salariais que foram definidos em um acordo coletivo assinado em 2007. O impacto da decisão nos cofres da empresa é de aproximadamente R$ 15 bilhões e beneficia cerca de 50 mil funcionários.  A questão deverá afetar cerca de 7 mil processos que tratam do assunto em todo o país. A estatal vai recorrer da decisão no próprio tribunal e ao Supremo Tribunal Federal (STF).