O ex-governador Eduardo Azeredo acaba de se entregar à Polícia Civil, no Bairro Santo Antônio, na capital mineira. Desde o início da manhã a defesa do tucano estava em negociação para que ele se entregasse. O que ocorreu por volta das 14h50. O carro em que ele estava entrou direto na garagem da unidade e o ex-governador só desembarcou quando já estava dentro do prédio.*A informação é do jornal Estado de Minas.

Azeredo chega ao IML de Belo Horizonte para passar por exame de corpo de delito – Foto: UOL

Atualizada às 19h30: O ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB) já foi encaminhado ao batalhão do Corpo de Bombeiros onde cumpre pena. Ontem, a Justiça mineira rejeitou recursos contra uma sentença de 20 anos e um mês de prisão por crimes relacionados ao esquema que ficou conhecido como mensalão tucano. Ele é o primeiro tucano a ser preso pelo esquema.

Segundo o delegado Carlos Capristrano, Azeredo se entregou espontaneamente após quase 24 horas de negociações entre seus advogados e a polícia. “Ele estava calmo, sereno e consciente da sua situação”, disse Capristrano. A defesa do político foi procurada, mas ainda não se pronunciou sobre o caso. De acordo com a Polícia Civil, Azeredo fez exames de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal), procedimento obrigatório para ser preso e foi levado ao batalhão dos bombeiros. Informações de UOL